O fenomenal Golden State Warriors e os números do recorde

capawarriors

Peço licença aos leitores para falar sobre uma das minhas paixões e que tomam grande parte dos meus interesses, leituras e momentos de lazer: a NBA. Sim, a NBA, e não o basquete em geral, porque apesar de apreciar qualquer disputa em que a bola laranja esteja no ar, é a liga norte-americana de basquete que realmente me fascina.

E como não se fascinar ainda mais quando um capítulo marcante da história está sendo escrito? A temporada 2015-2016, que nesta semana se encaminha para o encerramento da temporada regular, marcou, no mínimo, o empate da melhor campanha de todos os tempos, recorde estabelecido pelo mágico time de 1995-1996 do Chicago Bulls, tendo em Michael Jordan seu maior astro.

A equipe responsável pelo feito? Golden State Warriors, franquia de Oakland liderada pelo “ridículo” (roubando a definição de Everaldo Marques) Stephen Curry e seus tiros improváveis, porém certeiros, de qualquer local da quadra. Hoje, 11 de abril de 2016, os Warriors possuem 72 vitórias e apenas 9 derrotas. Se vencerem o duelo final diante do Memphis Grizzlies na próxima quarta-feira, o recorde de 72 vitórias e 10 derrotas do Bulls 95-96 terá sido definitivamente pulverizado.

Os números (e que números)

Obviamente, não é apenas o número de vitórias que explica essa dominância. Vamos a outros recordes:

– O Golden State Warriors 2015-16 iniciou a campanha com incríveis 24 vitórias seguidas, superando em muito os 15 triunfos do Houston Rockets 1993-94 e do extinto Washington Capitals 1948-49.

– Essa sequência de 24-0 também é o melhor início de um campeonato abrangendo as quatro maiores ligas norte-americanas (NBA, NFL: futebol americano, NHL: hóquei no gelo e MLB: beisebol), quebrando um recorde de 131 anos do St. Louis Maroons de 1884, time da MLB.

– Golden State também possui os melhores recordes de temporada regular na NBA de 16 a 38 jogos (16-0, 24-1, 36-2), 51 e 52 jogos (47-4 e 48-4), 54 a 77 jogos (49-5, 62-6, 68-7, 69-8) e 81 jogos (72-9).

– Obviamente o recorde da franquia foi quebrado nesta temporada. O recorde anterior era de um campeonato atrás, em 2014-15, com 67-15.

– Junto com o Chicago Bulls, tornou-se o segundo time da história da NBA a somar mais de 70 vitórias em um campeonato.

– Somando-se esta temporada e a anterior, os Warriors atingiram a maior sequência de vitórias jogando em seus domínios: 54, de 31 de janeiro de 2015 a 29 de março de 2016. O recorde anterior era do mesmo de Bulls de Jordan, com 44.

– Também assinalaram a melhor sequência de início de campeonato jogando fora de casa: 14 vitórias consecutivas, deixando para trás o New York Knicks de 1969-70. E agora também são o time que mais venceu partidas fora de casa em um mesmo campeonato: 34.

– Contando com os Splash Brothers (Stephen Curry e Klay Thompson), o Golden State Warriors 2015-16 estabeleceu-se como o time com maior número de bolas de três pontos convertidas numa temporada: 1.057. O recorde anterior era do Houston Rockets 2014-15, com 933. A confiança no arremesso de Curry é tão grande, que nesta jogada contra o meu Dallas Mavericks, Klay Thompson saiu comemorando antes da hora e protagonizou uma jogada bizarra.

Os destaques individuais

– Stephen Curry, Draymond Green e Klay Thompson foram selecionados para o All-Star Game. Desde 1976 os Warriors não tinham três representantes no jogo das estrelas.

– Draymond Green atingiu 13 triplos-duplos na temporada, novo recorde da franquia. (Quem não está acostumado com o termo, um triplo-duplo acontece quando um jogador tem dígitos duplos em três fundamentos. Ex: 15 pontos, 10 rebotes e 12 assistências.)

– Stephen Curry superou o próprio recorde de jogador com maior número de cestas de três pontos numa temporada, com 392 (lembrando que ainda há mais um jogo por disputar). Seu recorde anterior era de 286, justamente o da temporada passada.

– Curry também marcou ao menos uma cesta de três pontos em 151 jogos seguidos, quebrando os 127 jogos de Kyle Korver, do Atlanta Hawks, em 2014.

– E em 27 de fevereiro de 2016 o armador igualou-se a Kobe Bryant e Donyell Marshall com a maior quantidade de cestas de três pontos convertidas em um único jogo: 12.

Bulls ou Warriors? Quem foi melhor?

Não tem como comparar. São momentos distintos e neste tempo, separado por duas décadas, o jogo mudou muito. Hoje em dia privilegia-se muito mais as jogadas no perímetro, o que em parte explica os recordes absurdos de Curry e cia. atrás da linha dos três pontos.

kerr

Técnico ou jogador. Não importa: troféu é com ele mesmo!

Interessante destacar que o técnico deste Warriors, Steve Kerr, integrava o elenco daquele Bulls vitorioso. Tem estrela o cidadão ou não? Legal também registrar que este time tem dois brasileiros no elenco, os experientes Anderson Varejão e Leandrinho Barbosa. São coadjuvantes, é verdade, mas para o desenvolvimento do basquete nacional pode servir de incentivo a novos talentos.

De qualquer maneira, seria muito legal promover um confronto entre essas duas equipes históricas, lendárias. Pena que o tempo é nosso inimigo implacável.

Anúncios

Um comentário sobre “O fenomenal Golden State Warriors e os números do recorde

  1. Nunca saberia ou talvez fosse ouvir o que é um triplo-duplo. Show de bola, agora sim, com as estatísticas em mãos eu consigo enxergar com mais clareza a magnitude dos Warriors. É um clube a ser batido. Poderíamos comparar Steve Kerr ao Guardiola? Ambos foram jogadores campeões, e suas equipes também. No caso de Steve Kerr, ele era parte de um clube campeão e recordista e agora, 20 anos depois quebra este recorde, com uma equipe treinando-a. Este é o maior exemplo do cara que levou consigo tudo que aprendeu dentro das quatro linhas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s