Rezenha Crítica Fome de Poder 2017

Michael Keaton tem aparecido constantemente aqui no Blog, mesmo que sem querer porquê nem fã eu sou dele, e Fome de Poder relutei muito em assistir porque pensei que seria mais um daqueles filmes biográficos onde vemos apenas um lado da moeda, só que não, se você é um empreendedor, pensa em abrir algo ou simplesmente gosta de ver o circo pegar o fogo e da missa nem sabe a metade sore o surgimento do McDonald’s esta sessão pipoca é obrigatória. Confiram a “rezenha crítica de Fome de Poder.

Continuar lendo

Rezenha Crítica O Experimento de Milgram 2015

Antes de qualquer coisa é preciso deixar outra dica juntamente com esta, se for assistir O Experimento de Milgram que é baseado em uma história REAL, não deixe de complementar a lógica do Doutor Stanley Milgram  com a ficção drama comédia Ele Está de Volta (que já escrevi aqui!), você vai ficar chocado com o poder do ser humano em ser persuadido e “liderado” por uma força maior mesmo que inconscientemente. Ficou curioso? Confiram a “rezenha” crítica de O Experimento de Milgram.

Continuar lendo

Dunkirk: Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come

dk

Não é novidade que as salas de cinema estão saturadas de adaptações, continuações, reboots, remakes e tudo aquilo que é desprovido de criatividade. E o problema disso é que os estúdios investem cada vez menos em produções originais, já que o retorno financeiro é pouco confiável quando a propriedade não vem acompanhada por uma base preestabelecida de fãs — o público não comparece; a grana não entra no caixa. É por isso que Christopher Nolan só encontrou seu lugar sob os holofotes após o enorme sucesso de público e crítica da sua trilogia do Cavaleiro das Trevas. Daí em diante, seu nome virou sinônimo de garantia para os investidores e de qualidade para as massas, ou seja, um casamento perfeito onde todo mundo sai ganhando. Hoje, pode-se dizer que Nolan é um dos poucos a ter carta branca (leia-se cheque em branco) para filmar qualquer coisa da sua cabeça, por mais maluca e ambiciosa que seja. Ele dobrou uma cidade inteira em A Origem, viajou através de um buraco de minhoca em Interestelar e agora criou seu próprio simulador de guerra em Dunkirk. Sim, seu último trabalho é uma experiência cinematográfica sensorial e imersiva como nenhum outro filme do gênero, onde o expectador é jogado no meio da ação com o único objetivo de SOBREVIVER entre os milhares de soldados aos ataques ensurdecedores dos Stukas (os bombardeiros de mergulho alemães).

Continuar lendo

Enfim férias!

Bom galera, depois de 7 anos sem parar (literalmente!) no máximo aqueles 5 dias de férias coletivas que virou “modinha” das empresas, finalmente terei 30 dias (começando por hoje e que ainda não aproveitei #chateado) de férias. Por isso infelizmente o “brogue” ficará meio ocioso, em ritmo de férias, se arrastando e de ressaca. Estarei desconectado de tudo e todos, no entanto desenvolvendo um projeto pessoal que há pelo menos um ano almejo, não irei finalizar neste curto espaço de tempo mas espero adiantá-lo…

Continuar lendo